E-mail após conversão em formulários: como criar um?

18 maio 2021 Lead Force

Um dos primeiros passos para a realização de uma venda é conseguir os dados do lead. Existem diversas maneiras de fazer isso, cada uma específica de uma estratégia. Mas sua concessionária já passou dessa fase. Fez ele preencher o formulário e agora possui seu e-mail. E agora? Como mandar o primeiro e-mail?

A importância da conversão

Quando falamos de marketing digital, existem diversas estratégias para chamar a atenção dos usuários. Uso de anúncios e de benefícios chamativos. Criação de landing page ou de newsletter. O que importa é o objetivo final. A conversão do usuário.

Você converte o usuário, e o transforma em lead, quando consegue o contato dele. Esse contato, geralmente, é o endereço de e-mail. Para se considerar uma conversão, o usuário precisa dar seu contato espontaneamente. Não se trata de conseguir uma lista de mailling ou algo assim. O usuário precisa estar ciente que vai receber material de sua concessionária.

Agora que você tem o contato dele, ele está na jornada de compra.

A importância do e-mail marketing na jornada de compra

O e-mail marketing é uma das formas de contato mais baratas e confiáveis que temos na internet

Através dele você consegue atingir um grande número de pessoas sem gastar um valor muito alto. Como o e-mail ainda é um canal de comunicação bastante usado, é uma oportunidade para enviar material para converter seu público.

Por isso, quando você consegue converter o lead, é preciso um cuidado especial nas primeiras mensagens. É aí que você vai mostrar que não vai compartilhar só conteúdo aleatório, ou panfletos de promoção. Que você pretende mesmo compartilhar informações úteis e que condizem com os interesses do possível cliente.

Veja também

5 dicas para tornar seu e-mail marketing mais eficiente

Como criar um e-mail após a conversão?

Ok, o cliente preencheu o formulário e se tornou um lead. Ele deu o seu endereço de e-mail para sua empresa. Quando enviar a primeira mensagem? Agora. 

Isso mesmo. Esse cliente é o chamado “lead quente”. É um potencial cliente que está interessado na sua empresa. Ele até mesmo deu seu e-mail, em troca do que você ofereceu — e que não importa agora — então o que você precisa fazer é dar as boas vindas. Precisa mandar esse primeiro e-mail. 

Como fazer isso? Nós te ajudamos. Confira nossas dicas:

Envie o e-mail com rapidez

O e-mail precisa ser enviado no momento da conversão

Para isso, a recomendação é que você use um sistema de automação, como uma ferramenta de disparar e-mails.

Caso você demore muito tempo, pode ser que o usuário encontre outra solução para seu problema, ou até mesmo esqueça de você. Não deixar o lead esfriar é sua primeira meta.

Não seja muito insistente

Mesmo que o lead tenha dado o seu contato, não quer dizer que você pode enviar diversos e-mails para ele. Ser muito insistente pode significar ser inconveniente, o que só vai afastar o usuário de você. O terceiro e-mail seguido talvez nem seja aberto, com o usuário resmungando.

Esse caminho leva a suas mensagens serem marcadas como SPAM, ou o usuário só descadastrar mesmo. Ou seja, todo o trabalho realizado anteriormente acaba jogado fora. 

É preciso ter paciência

Trabalhar bem seu e-mail, usando chamadas de ação (as CTAs, call to action) e se mostrar sempre disponível para o diálogo. E entender que você não necessariamente vai fechar rapidamente. Lembre-se de gerenciamento de leads: poucos clientes estão prontos para fechar no primeiro momento, a maioria vai precisar receber nutrição.

Personalização de e-mails

Quando lidamos com e-mail marketing, mensagens genéricas e impessoais são as piores

Se sua primeira mensagem for um texto genérico, sem nenhum sentido para o usuário, saiba que a chance dele nem abrir seu segundo e-mail cresce. É preciso personalizar esse e-mail.

Não basta só colocar o nome do usuário. É preciso criar uma mensagem que esteja relacionada com seus interesses, com o motivo que o levou a entrar em contato com você. Para isso, ferramentas de disparo de e-mail são fundamentais.

Criação de um funil de leads

Criar um funil de leads vai facilitar no trabalho de personalização

Fazendo as perguntas corretas, você vai conseguir saber como conversar com esse usuário e entender seus interesses.

Para isso, é fundamental saber, por exemplo, quais as páginas que o usuário acessou em seu site. Saber como ele chegou até você, se foi por anúncio, se foi de forma orgânica. Saber o que o converteu.

Com essas respostas em mãos, você já tem material para um primeiro e-mail.

A importância da conscientização

Um dos papéis do primeiro e-mail é conscientizar o cliente de seu problema

Quer ele já saiba ou apenas suspeite, o cliente tem um problema que precisa ser resolvido. E sua concessionária é a solução para ele. Ele precisa de um veículo novo? Trocar seu modelo por um usado? Uma revisão?

Não importa. O importante é que você, com as informações que já juntou usando o funil do lead, já sabe qual é o problema. E no e-mail de boas vindas, você pode já oferecer a solução para ele. 

Nunca é tão rápido. Quem dera o cliente já clicasse e fechasse com você na mesma hora, mas isso dificilmente acontece. O seu trabalho, então, é fazer com que ele veja em você uma possível solução. E a partir daí começa seu trabalho de nutrir o cliente

Mailtop

O Mailtop é a ferramenta de disparo de e-mail usada pela Lead Force

Ela foi desenvolvida para atender as necessidades do mercado automotivo. Seu sistema de fácil acesso é ideal para concessionárias lidarem com seus leads e clientes.

Seu diferencial é sua capacidade de personalização. Com um banco de imagens e templates incluídos no pacote, ambos com um alto número de opções, ele oferece opções para que seu e-mail marketing seja o mais personalizado possível.

Sua capacidade de segmentação também é fundamental para uma boa estratégia de e-mail marketing. Você consegue segmentar suas listas, definindo quais vão receber determinada mensagem. Isso permite que você tenha um controle maior sobre quem recebe o que.

Importância da integração com CRM

Quando integramos o Mailtop com uma ferramenta de CRM, como o CRM Syonet, por exemplo, conseguimos um resultado ainda melhor. Essas ferramentas são fundamentais para uma boa gestão de leads, aumentando suas chances de converter.

Integrar o e-mail marketing ao CRM permite um controle maior sobre o lead, uma análise sobre seu perfil e seus interesses. Permite que você programe o disparador para enviar mensagens específicas quando determinadas situações acontecerem. Se você programar para que todo novo lead no sistema receba uma mensagem de boas vindas, todos receberão. 

E essa possibilidade da automação permite que você e seus colaboradores passem menos tempo se preocupando com cada e-mail e envio, e mais em estratégias de segmentação e qual seria a mensagem ideal. Isso ajuda a otimizar seu tempo, menos gasto com trabalho burocráticos e mais com ações que realmente fazem a diferença.

O uso do e-mail marketing é fundamental para causar uma boa primeira impressão no lead. É o seu primeiro contato com ele. Se ele sentir que, ao invés de uma mensagem aleatória, ele recebeu um e-mail com informações úteis e que fala do seu caso, maiores a chances dessa primeira opinião ser positiva e isso gerar bons resultados no futuro. 


Lead Force

A Lead Force é uma empresa de Marketing Digital especializada em Performance com foco em: Captação, Gestão e Conversão de Leads.

       

Receba o nosso conteúdo