Entenda como uma hospedagem ruim pode impactar seu site e as campanhas Google Ads da sua concessionária

17 mar 2020 Luiza Fonseca

Um dos principais pontos que compõem o Índice de Qualidade que avalia os anúncios no Google Ads é a experiência do usuário no seu site de destino. Para o Google, de nada vale ter bons anúncios se, quando o usuário clica não tem uma boa experiência. Nesta questão podemos citar diversos aspectos que influenciam: conteúdo coerente, transparência, segurança e, o principal, bom carregamento de página, tanto no mobile, quanto no desktop.

Por conta disso, o PageSpeed é um recurso para medir como está o desempenho do site da sua concessionária, de 0 a 100. Não é incomum que muitos não valorizem um dos pontos super importantes para um bom PageSpeed: o servidor em que o site está hospedado. Muitas vezes, por conta dele, o site demora a dar resposta ao usuário, ou, até mesmo, fica fora do ar por alguns segundos.

Nessa altura, já percebemos que uma coisa leva a outra, não é mesmo? Quando o Google identifica que os usuários que clicaram nos anúncios não estão tendo boas experiências no site, baixa o Índice de Qualidade, o que leva à diminuição de impressões. Em muitos casos, os anúncios são até reprovados, não aparecendo mais nas pesquisas. Ou seja:

Por isso, ter um servidor de hospedagem com um bom  desempenho é essencial para o bom andamento das suas campanhas e, consequentemente, atrair ainda mais seus leads.

Você sobre com este tipo de problema e gostaria de falar com um consultor? Entre em contato conosco aqui.